Traição de Sandro Silva destoa do discurso de mudança na campanha

Novo presidente da Câmara mantém Veríssimo e Toninho Neves na na Comunicação Social

Os ares de renovação almejados pela população joinvilense no cenário político municipal, e refletidos nas urnas, foram frustrados pelas mãos do novo presidente da Câmara de Vereadores de Joinville, Sandro Daumiro da Silva (ex- PFL e atualmente no PPS).

Diferentemente do prefeito Carlito Merss (PT) - que em seu quinto dia de mandato oxigenou a máquina pública promovendo a primeira etapa de exonerações excluindo 350 comissionados - o novo presidente da Câmara, na contramão da mudança e ignorando os anseios dos eleitores da maior cidade do Estado, iniciou sua trajetória com a marca do retrocesso.

Sandro manteve os radialistas Toninho Neves e Luiz Veríssimo, amigos do ex-prefeito Marco Antonio Tebaldi (PSDB) e do ex-secretário de Saúde Norival Silva, encostados em cargos que ocupam há vários anos.

Fatura já começou a ser cobrada

A prisão do ex-secretário da Saúde Norival Silva, denunciado pelo Ministério Público Estadual (MPE), e indiciado por crime de formação de quadrilha, entre outros, desencadeou uma ferrenha defesa de Toninho Neves e Luiz Veríssimo em favor do amigo.

O fato evidenciou o grau de comprometimento que impera no grupo da antiga administração, que sem se importar com os supostos prejuízos causados a um setor extremamente delicado como a saúde, utiliza os microfones para confundir a opinião pública.

A julgar pela comemoração do radialista Toninho Neves, observada quando da eleição do novo presidente, já era de se esperar que o resultado propiciasse a manutenção de seus dois significativos salários: um como aposentado e outro como comissionado. Ao celular, Toninho comemorava: "Agora o Carlito vai ter que sentar no colo".

Dívida indigesta com DEM e PSDB

Sandro Silva teve que pagar parte da fatura já nos primeiros dias de sua gestão. Sua eleição para a presidência somente foi possível graças aos vereadores dos PSDB e DEM, explicitamente de oposição e que ajudaram Tebaldi a deixar bairros no fim da fila.

Com Daumiro comandando aquela casa legislativa, tutelado pelo seu partido de origem (DEM), PPS e PSL da vereadora Dalila Rosa Leal também se transformaram em oposição e perderam sua participação no governo de Carlito Merss.

A guinada de Sandro em direção oposta àquela que ele sinalizou no segundo turno, quando afirmava apoio a Carlito Merss, poderá ter um alto custo à carreira do vereador, ou seja, sua autonomia foi costurada com fios de aço ao continuísmo que Joinville viveu durante 12 anos.

21 comentários:

Genivaldo Marcos disse...

a traição do sandro é uma vergonha, porém serviu para o carlito perceber que não adianta acreditar em lobos vestidos de cordeiro, além de carlito perceber quem está e sempre esteve do seu lado, e ter a certeza que é nele que depositamos nossa confiança e os acertos e erros serão seu crédito, ficando assim claro que assessores fazem papel de assessores, e o comandante do navio chama-se carlito.
desejo sucesso ao companheiro carlito, sempre alerta
Genivaldo marcos ferreira

Anônimo disse...

Sinceramente já era esperado estas atitudes do Sandro. primeiro veio na onde de Obama se achando o sucessor, sempre se colocando como coitadinho, e usando sua raça para sensibilizar as pessoas, só que ele esqueceu de perguntar para os grupos e movimentos negros de joinville e estado se eles se sentem representados por ele. a resposta é: ele nunca esteve na luta nunca levantou nenhuma bandeira..ao contrário sempre apelando junto as colunas dos hoje seus funcionários. me sinto envergonhada...principalmente quando lutamos tanto por garantia de direitos.ai vem uma figura desta que vai se arrebentar logo...já tenho dito.

laudelino disse...

Sandro fez papel de vaquinha de presépio de Jorge Bornhausem , foi a fome com a vontade de comer ; um
politico velho , que nunca fez nada por Joinville e atravéz de Darci de Matos e Tebaldi, maus perdedores articulou a presidencia da camara !
sandro só pensou nele , ambicioso e egoista para com os correligionarios !
esse ato pode ter selado o fim de sua carreira politica ja no primeiro dia !
Traição a tudo e a todos !
Que feio hein Sr. sandro !!!!!

Anônimo disse...

Este jovem politico, que apareceu no cenario joivilense nas ultimas duas eleições, nada mais é do que um fantoche nas mãos dos que governaram Jlle por decadas. É bom que as mascaras caim no inicio do mandato do nosso Prefeito Carlito, assim os cidadãos de Jlle poderam fazer a distinção que quem realmente quer as mudanças. Lamento pelos negros de nossa cidade, que continuarão sem seu representante, pois esse que ali chegou realmente busca outros objetivos.

Anônimo disse...

Este começou bem!!!! Ele só não pode esquecer que o povo escolheu o Carlito porque queria mudança, porque estava cansado dessa corja que estava no governo e nos cargos comissionados.

Agindo dessa maneira ele está comprometendo o seu próprio futuro político. O povo não é mais bobo e se aprontar muito ele não se elege nunca mais!

Anônimo disse...

Engraçado que os comentarios aqui são da claque ParaTodos armada para sempre reverter o discurso como convier... Normal esperar isso e o papel a que se prestam.

Anônimo disse...

Sempre ouvi meus colegas, falando sobre politica, eu odeio politica mas vamos entender uma coisa, como muitos ja falaram, o PT NAO CUMPRE COM O QUE FALA, concerteza o PT novamente nao cumpriu com o que promete, Com o partido que fez 35mil votos para o Mauro Mariani que foi o PPS, pois o partido PMDB estava realmente PARTIDO, e que no segundo turno o PPS colocou todos seus suplentes nas ruas para apoiar o PT pagando do bolso transporte de baixo de chuva e como choveu em todo mes de outubro e novembro e tambem CONTRARIANDO muitos de seus eleitores.Isso sim é um partido UNIDO.
Ja o PMDB, o caminhao de cargos do PT passou na frente de Joinville depois da vitoria do PT ai é facil o que vier esta OTIMO para o PMDB.
Concerteza se Sandro Silva tomou essa postura era porque ele sabia se a Tania fosse Presidente todos os seus companheiros de Partidos Estariam saindo da Vida Politica, Ninguem estaria ganhando vagas junto ao governo.
Porque pelo que vi nos jornais quem negou as indicaçoes do PPS foi Carlito Merss, negou quem estava ao lado dele , quem foi o traidor? Quem prometeu ajudar e ajudou na campanha colocando sua vida política em risco? ou quem nao cumpriu com O QUE PROMETEU e agora se faz de santo?
Os jornais de joinville estao de Parabens pelas noticias, espero sempre poder estar antenado no jornal gazeta!

abraços

Luiz Carlos Lopes disse...

Na verdade ninguém traiu ninguém, pois na política sempre foi assim, quem entra promete a seus eleitores uma coisa, mas na hora do vamos ver o que importa é mesmo o dinheiro que fala mais alto, as vantagens e por aí vai. Esse Sandro, que eu não o conhecia antes da campanha, enganou seus eleitores assim como o Marquinhos do PT. O povo elegeu Marquinhos para ser um vereador atuante e não para ser um secretário. Não acredito que os eleitores do PT estejam satisfeitos com isso. Sempre vai haver traições infelizmente. Nossa Senadora do PT também tinha um lindo discurso em prol dos trabalhadores e, no entanto barra ou é contra qualquer projeto que venha favorecer os trabalhadores e aposentados. Mas o que eu queria mesmo era o Marquinhos como VEREADOR, defender e cumprir as promessas de campanha e até pela sua experiência na Câmara. Na próxima campanha quero saber de meu candidato se ele é candidato a Vereador ou a Secretário do município. Ou você acredita mesmo que seria feito um túnel no morro do Boa Vista? Foi uma das promessas que alguém fez, não inventei.

vicente disse...

este sandro nao é nada,o pior pode acontecer depois,a midia ant-lula nao vai descansar,mas a pior traiçao vem do povo ,pois este é na verdade quem dá o toque final do contrario os corruptos nao precisava da ajuda da aqueles jornalista e radialista especie Nilson Gonsalves q só espera a desgraça pra ter como ser bem pago.atraiçao ja vem desde Luiz henrique ainda prefeito ,este mesmo ainda estao na ativa ,só Carlito nao fara desta cidade um lugar melhor,de 100 só 2 se salva aos olhos de Deus,mas pór que?vc q sempre critica sabe?

nilton1976 disse...

traiçao desde muito tempo,Getulio vargas teve um traidor q parecia de sua confiaça ,mas fez q tudo fosse destorcido contra getulio,Lula tabem sofreu traiçao,porque Carlito nao iria,só FHC q nao ,pois os congressista tinham tudo na mao.lembrando de Getulio tambem lembrei q a imprensa da epoca nao polpou criticas ao governo,entao é bom conhecer a historia porque ela se repete de certa forma.quando se é um bom governo vc sempre esta sujeito a traiçao e ate destruiçao de sua imagem perante a midia(telejornais,jornais,radio,revista)pois é q vc nao dá o q eles querem ou ate nao querem perder o q eles já tem,em fim...pra mudar joinville deviam ter mudado a camara de vereadores ou seja,votado naqueles q fizeram historia junto ao carlito desde 1996,e nao os q só 2008 fizeram apoio,ja disse em outubro de 2008 e repidto ,estou descepcionado com o resultado pra camara de vereadores feita pelo povo,lembre-se ,pelo povo.

Maria Rosa disse...

Respeito todas as opiniões, mas a questão do vereador Sandro , não tem explicação , ele esta indo contra tudo aquilo que falou e prometeu , ir contra Carlito só interessa a Darci de Matos e Tebaldi !
Tão dificil para nós afrodescendentes conseguir um representante, e quando finalmente o conseguimos , acontece isso !
Meu marido , eu e todos nossos seis filhos votamos nele , nossa decepção é total !

Maria Rosa de Jesus

Anônimo disse...

O poder legislativo tem atribuicoes bem detalhadas na constituicao.
E dentro dessas atribuicoes nao consta submissao aos arranjos politicos do poder executivo.

Portanto se, Sandro Silva, proporcionar a camara uma administracao que atenda bem aos interesses da comunidade.
Nao existira traicao alguma.
O poder lesgislativo eh um poder independente, seu unico comprimisso eh com a sociedade e a constituicao.

Outro detalhe, Sandro Silva se elegeu, sem qualquer apoio e influencia do atual prefeito.
Mesmo assim apoiou Carlito no segundo turno. Se nas regras da "politicagem" ficou algum tipo de debito a ser cobrado.
O credor seria Sandro Silva.


att
Fabio Fernandes

nilton1976 disse...

``anonimo voce falou certo do poder legislativo,mas eles nao tao trabalhando assim,veja vc q é um cara de conhecimento,use esta matematica,DEM nao tem a presidencia e nem o PSDB entao comemoram a vitoria do sandro,mas porque?o DEM e o PSDB ja se armaram como oposiçao rigorosa ao Preft.Carlito,isto é,nao apoiam ele,sendo assim,existiria a troca de favor como existiu com LHS e FHC ou amin ou Paulo afonso em fim...isto nao nos trouxe bons resultados.seria certo q
eleito sandro nao deve-se favor a eles,só q temo q sandro continua sendo um PFLista(PFL q hoje e´o DEM)eu sei é complicado,mas focalisa só nos q comemoraram esta vitoria sendo eles aqueles q seriam a menoria.

Valdemir disse...

Este moço chamado Sandro Silva se elegeu vereador com o esforço de muita gente inclusive de uma pessoa de minha familia.
Ficamos muito orgulhosos pela sua vitória , no entanto o que não podiamos imaginar é que seria ele o escolhido para fazer o papel de Judas e o que é pior ; que ele aceitaria e o faria com tamanha competencia !

Valdemir Rosseti

Rudimar disse...

Duas palavras para resumir essa comercialização pela presidencia da camara !!
SAFADEZA e TRAIÇÃO .
E tenho dito !
Se não gostou me escreva !
rudikruguer@ig.com.br

Rudimar Kruguer

Anônimo disse...

Concordo com o Sr Valdemir, só gostaria de saber se o vereador Sandro vai querer devolver as "30 moedas de prata" e depois se enforcar.

Anônimo disse...

Parabéns ao sandro ele mostrou do que é feito, esperamos que ele aproveite bem esses quatro anos por que sem duvida será esse o tempo dele na politica em Joinville. Preferiu servir de capacho ao invés de lutar por mudança, certamente já foi contaminado com o virus da corrupção, diga-me com quem andas e direi quem és.

rosemeri disse...

Sandro foi um traidor sim !
Mas não nos esqueçamos do Juarez , seu colega de partido que foi tão traidor quanto Sandro , isso ja éra de se esperar afinal estão juntos com os irmãos Vieira , esperar o que dessa gente !
Depositamos votos de confiança , na mudança , e fomos traidos !

Anônimo disse...

O simples fato de levar a população na CVJ quando houver plenário para votar em Leis que sejam a favor do povo ou contra, os vereadores irão ter que pensar bem no que fazer para não prejudicar a população, pois a mesma passou a ter uma memoria melheor de uns tempos para cá. Os coronéis podem ter a presidencia da CVJ, mas o PMJ tem a população

Sidi

luciana disse...

Ah! velha e boa politica! tudo se repete desde que ouvi falar de politica, ouço sempre palavras associadas a mesma: corrupção, traição, desigualdade, cabide de emprego,entre outras palavras que simplificam a POLÍTICA desse país. Agora, cá entre nós sentir-se traídos por esse quase desconhecido, é ingenuidade demais do PT, que sabia que não precisava de apoio político nenhum, pq o Candidato a prefeito do DEM não tinha chance de vencer o atual prefeito Carlito, foi aceitar apoio político desses 'pelegos',esta aí o resultado. Não precisa ser um entendedor de política para saber que "oposição" é oposição aqui em qualquer lugar desse pais de medíocres de paletó que se vendem por ninharia e que não vamos esquecer seus nomes em 2012. Fique bem esperto Sandro seu brilho pode durar somente 4 anos ou ser um político "brilhante, pois é assim que a maioria começa... traindo, roubando os ideais ou o dinheiro do povo. E se por ventura vc ler este 'comentario' fique sabendo que quem te elegeu e vestiu a camisa para suas campanhas devem estar 'morrendo de vergonha' eu estaria se tivesse feito campanha para um ser sem palavras como vc(duas Caras - assim chamamos os que dizem uma coisa e fazem outra)
att.Luciana Xavier

Deivison Garcia disse...

Traição?
Olha se houve traição de alguém neste processo democrático, acredito que não tenha sido do Sandro Silva.

Quem no segundo turno foi as ruas, levantou bandeira e ajudou a eleger o prefeito Carlito? Pelo que me lembro foi Sandro Slva e os simpatizantes do PPS. Parabéns prefeito Carlito, foram anos de espera e planejamento para que o PT chegasse ao governo, ao poder, em Joinville.
O que o nosso prefeito não pode esquecer é que não se governa uma cidade sózinho e que uma boa e respeitosa relação com a câmara é fundamental. É só fazer uma análise histórica do que aconteceu com os prefeitos que tiveram indisposições graves com a câmara de vereadores.
Quem foi rachado pras ruas fazer campanha no segundo turno, o PPS ou o PMDB? Será que mais uma vez o povo vai fazer uso da memória seletiva e vai cair nos históricos erros do senso comum?
Julgar alguém por unir-se com determinados grupos políticos é algo no minímo incoerente, principalmente vindo de simpatizantes do PT, ou alguém já esqueceu dos vários posicionamentos e de algumas uniões incoerentes da nossa senadora Ideli (eu votei nela).
Não sei se alguém do Jornal Gazeta estava no dia da eleição para a presidência da câmara,ou se alguém da redação do jornal leu entrevistas do Sandro Silva sobre este tema. Pois é a todo momento o Sandro se coloca como parceiro do governo do nosso prefeito Carlito e conforme disse o presidente do PPS quem decide se o partido fica na base do governo ou não é o nosso prefeito Carlito.
Cabe ao prefeito de uma cidade garantir governabilidade para a sua gestão, o que sinto neste processo, por parte do governo,é a aplicação do ultrapassado ditado popular "Quem com ferro fere com ferro será ferido".
Realmente espero que o PT de Joinville não confunda o governo municipal com atuação em movimento sindical ou movimentos estundantis. Não que eu desmereça os exemplos citados, afinal eles foram extremamente necessários para a democratização do Estado Brasileiro. Porém são situações políticas muito diferentes.
Viva Joinville e que vença a democracia.

Ao Sandro só tenho a desejar sucesso! E com certeza será o inicío de uma grande carreira política.


Deivison Garcia
deivison_garcia@yahoo.com.br
http://expressomesmo.blogspot.com